quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Depressão, Uma Doença da Alma?

Depressão, a Doença da Alma?
                                                                                                               - Pr. Osiel Varela
Publicado em 26 de Julho de 2008 as 08:05:59 PM Comente
A nossa 5ª Lição CPAD/2013 versa sobre Depressão que atinge o Homem de Deus, no caso Elias, neste Estudo publicado por nós em alguns sites, como editores mostramos a Luz das Escrituras o que é, e como age, esta famosa e temida síndrome deste século - A Depressão.
Poderá ajudá-los a entender melhor o assunto Tema.

Alguém chamou a depressão de “inferno particular”.
Verbetes:
*Erg – trabalho ;
Ergolatria – dedicação quase religiosa com trabalho – trabalhar compulsivamente - adoração ao trabalho.
Opróbrio – situação de vergonha - vergonha
Koinonia – comunhão plena
Eclesial – relativo a eklesia [congregação de pessoas com interesse comum ou reunião com objetivo], para nosso tempo; relativo a Igreja. Definição transliterada pelo editor. Refere-se à experiência e à vida da Igreja.
Hipocondria - é o medo persistente de se ter uma doença séria. Uma pessoa com este distúrbio tende a interpretar sensações normais, funções corporais e sintomas leves como um sinal de uma doença grave.
Textos Para Embasamento do Estudo:
Salmos 42.5: Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.
Salmos 42.1.SS: ASSIM como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus! A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus? As minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite, enquanto me dizem constantemente: Onde está o teu Deus? Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava. Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.
Texto final:
Salmos 42.6.ss: Ó meu Deus, dentro de mim a minha alma está abatida; por isso lembro-me de ti desde a terra do Jordão, e desde os hermonitas, desde o pequeno monte. Um abismo chama outro abismo, ao ruído das tuas catadupas; todas as tuas ondas e as tuas vagas têm passado sobre mim. Contudo o Senhor mandará a sua misericórdia de dia, e de noite a sua canção estará comigo, uma oração ao Deus da minha vida. Direi a Deus, minha rocha: Por que te esqueceste de mim? Por que ando lamentando por causa da opressão do inimigo?Com ferida mortal em meus ossos me afrontam os meus adversários, quando todo dia me dizem: Onde está o teu Deus? Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, o qual é a salvação da minha face, e o meu Deus.
Texto Bíblico de Apoio:
Salmos 77 .1 .CLAMEI a Deus com a minha voz, a Deus levantei a minha voz, e ele inclinou para mim os ouvidos. 2 No dia da minha angústia busquei ao Senhor; a minha mão se estendeu de noite, e não cessava; a minha alma recusava ser consolada. 3 Lembrava-me de Deus, e me perturbei; queixava-me, e o meu espírito desfalecia. (Sela.) 4 Sustentaste os meus olhos acordados; estou tão perturbado que não posso falar. 5 Considerava os dias da antiguidade, os anos dos tempos antigos. 6 De noite chamei à lembrança o meu cântico; meditei em meu coração, e o meu espírito esquadrinhou.7 Rejeitará o Senhor para sempre e não tornará a ser favorável? 8 Cessou para sempre a sua benignidade? Acabou-se já a promessa de geração em geração? 9 Esqueceu-se Deus de ter misericórdia? Ou encerrou ele as suas misericórdias na sua ira? (ela.)10 E eu disse: Isto é enfermidade minha; mas eu me lembrarei dos anos da destra do Altíssimo.
 “O deprimido é alguém que se torna abatido, triste, cheio de melancolia, desanimado porque do alto foi empurrado para baixo. Geralmente, as mulheres sofrem mais que os homens. Lembremos, no entanto, que a depressão de uma pessoa pode parecer totalmente diferente da de outra. Por isso, as reações variam: um pensa em morrer, outro quer viver outro acha que todos o estão traindo”. Pr. Walter Santos Baptista
I – Introdução:
Analisando o Texto Bíblico, encontrei, algumas porções relevantes e interessantes, seja na questão da Depressão em si, seja no efeito da depressão, e posteriormente na solução da situação.
Neste comentário, me veio à mente realizar uma homilia do conteúdo do Salmo do qual foi extraído o texto bíblico, mas, ao estudar o assunto verifiquei que poderíamos avançar além do Salmista.
Muitos personagens da Bíblia sofreram momentos de profunda depressão, até o próprio Jesus sofreu no Getsêmani um momento de depressão que o fez suar gotas de sangue.
Mateus 26.37,38: Jesus no Getsêmani - “Jesus levou Pedro e os dois filhos de Zebedeu, Tiago e João com Ele, e começou a sentir-se cheio de angústia e tristeza. Então disse-lhes: ‘Minha alma está cheia de pavor e tristeza, a ponto de morrer… fiquem aqui… fiquem acordados comigo’”.
Jesus em sua forma humana, precisava de ajuda, de presença de amigos, estava carente de ser confortado, pelos seus discípulos.
É assim que muitas vezes, nós somos surpreendidos e não entendemos que um irmão em Depressão quer e precisa que nós estejamos ao seu lado, até comentamos, uns para com os outros: “este irmão é um grude….”, mas, a sua alma necessita de nossa presença física para aliviar a depressão.
I Jo 2.9: Aquele que diz que está na luz, e odeia [aborrece] a seu irmão, até agora está em trevas.
Querer estar só, é um sintoma de depressão, mas, estar com amigos, é como um bálsamo que nos faz esquecer momentaneamente a depressão.
Eles falam e agem como Jesus: Mt.26.40:E, voltando para os seus discípulos, achou-os adormecidos; e disse a Pedro: Então nem uma hora pudeste velar comigo?
O salmista por sua vez também sente a falta da multidão, e muitos amigos que o acompanhavam até ao Templo, onde certamente ele era querido por todos:
“Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava”.
O salmista diz isto, ao mesmo tempo em que está só ele reclama da ausência daqueles que iam com ele ao templo.
II - A Depressão segundo o salmista é algo que:
- Impede a pessoa de buscar socorro:
- Causa choro na solidão da noite:
Choro se acumulava em lágrimas, numa demonstração clara de que, no choro e lágrimas ele achava uma forma de desatar o nó preso em sua garganta pela muita depressão e isto parecia como uma válvula de alívio.
“Minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite”
- Faz o depressivo recusar ajuda:
“A minha alma recusava ser consolada”
Clique em Continuação e leia o restante do Estudo.

Asinha com tomate e pimentão


Asinha com tomate
Asinha com tomate e pimentão: não há quem resista a essa delícia!
Foto: Claudio Pinheiro
Tipo de prato: Prato principal
Preparo: Médio (de 30 a 45 minutos)
Rendimento: 6 porções
Dificuldade: Fácil
Categoria: Frango
Calorias: 567 por porção

Ingredientes

. 1 kg de asa de frango
. 5 dentes de alho
. 1 colher (sopa) de sal
. 1/2 colher (sopa) de açafrão-da-terra
. 1 xícara (chá) de óleo
. 1 pimentão vermelho
. 1 pimentão verde
. 3 tomates
. 1 cebola em fatias
. Sal e pimenta a gosto
. 1/4 de xícara (chá) de azeite

Modo de preparo

Cheesecake de limão com frutas vermelhas


Cheesecake de limão com frutas vermelhas
Cheesecake de limão com frutas vermelhas: Sabor irresistível
Foto: Pedro Rubens
Tipo de prato: Sobremesa
Preparo: Demorado (acima de 45 minutos)
Rendimento: 8 porções
Dificuldade: Médio
Categoria: Torta doce
Calorias: 447 por porção

Ingredientes

. 2 xícaras (chá) de água
. 1 envelope de gelatina em pó branca
. 200 g de biscoito de chocolate moído
. 60 g de manteiga derretida
. Óleo para untar
. 300 g de cream cheese em temperatura ambiente
. 200 g de iogurte natural
. 1 lata de leite condensado
. Casca ralada e suco de 3 limões-sicilianos
. 3 colheres (sopa) de gelatina de morango
. 1/2 xícara (chá) de amora
. 1/2 xícara (chá) de morango cortado em quatro com as folhas
. Sementes de 1 romã

Modo de preparo

Pavê de café com chocolate


Pavê de café com chocolate
Pavê de café com chocolate: para encantar seus convidados
Foto: Mauro Holanda
Tipo de prato: Sobremesa
Preparo: Rápido (até 30 minutos)
Rendimento: 8 porções
Dificuldade: Fácil
Categoria: Pavê
Calorias: 506 por porção

Ingredientes

. 3 xícaras (chá) de leite
. 2 colheres (sopa) de amido de milho
. 2/3 de xícara (chá) de açúcar
. 8 gemas
. 300 g de chocolate meio amargo picado
. Gotas de essência de baunilha a gosto
. 200 g de pão tipo brioche esfarelado
. 1 copo (americano) de café preparado
. 100 g de morangos

Modo de preparo

Momento moda do dia .

Momento de meditação



                                     Quinta-feira, 31 de Janeiro, 2013

VERSÍCULO:
   Porque o SENHOR Deus é sol e escudo; o SENHOR dá graça e glória;
nenhum bem sonega aos que andam retamente.
    -- Salmos 84:11

PENSAMENTO:
   Deus não poupa sua bondade! De fato, o Pai adora dar presentes
aos seus filhos. Estes presentes são de todos os tipos. Todos eles
dados com alegria. Como eu sei disso? De três maneiras: 1) Eu tenho
sido abençoado repetidamente; 2) Eu sei o que Deus fez para
abençoar seu povo através dos séculos; 3) A Palavra dele assegura
isto.

ORAÇÃO:
   Pai, eu quero lhe agradecer por tantas bênçãos que o Senhor tem
derramado na minha vida. Eu quero citar várias delas hoje (faça sua
lista de coisas pelas quais você é grato). Acima de tudo, obrigado
pelo presente de Seu Filho e meu Salvador, Jesus. No seu nome eu
oro. Amém

Suco de laranja, beterraba e cenoura: opção energizante


Entre uma festa e outra, aposte no suco de laranja, beterraba e cenoura, sugestão da casa de sucos paulistana Dona Vitamina para repor as energias, sem fatigar o organismo. A laranja, rica em vitamina C e ácido fólico, possui minerais como cálcio, fósforo e potássio, que a fazem uma boa para o consumo nos dias quentes. Fonte de vitamina C, esta fruta torna o organismo mais resistente às infecções e auxilia na absorção de ferro.
Suco de laranja, beterraba e cenoura, da Dona Vitamina
Laranja, beterraba e cenoura para repor as energias. Foto: Henrique Peron
A cenoura contribui com o betacaroteno, que ajuda a manter a pele, os cabelos e as unhas em bom estado. A beterraba, além da linda cor, contém vitamina A, vitaminas do complexo B e sais minerais como o sódio, potássio, zinco e magnésio. Vale para energizar e manter a integridade da pele e mucosas. Juliana Fortini, sócia-proprietária da Dona Vitamina, aconselha usar a beterraba e a cenoura raladas. “Dessa forma, não precisa coar o suco depois de batido, pois os pedacinhos das fibras são gostosos”, diz ela. Confira abaixo a receita:
SUCO DE LARANJA, BETERRABA E CENOURA
PREPARO: Rápido | DIFICULDADE: Fácil
RENDIMENTO: 1 copo grande (400 ml)
. 4 laranjas
. 2 colheres (sopa) de cenoura ralada
. 2 colheres (sopa) de beterraba ralada
Esprema as laranjas e misture o suco com a cenoura e a beterraba raladas. Bata tudo no liquidificador e sirva em seguida, em copo grande, decorado com um canudo.
Dica: corte as frutas e/ou prepare o suco próximo ao momento de servir. Dessa forma, você aproveitará muito mais os nutrientes destes alimentos. Algumas vitaminas são muito sensíveis e se perdem com facilidade durante o manuseio da fruta. Por isso, quanto antes o suco for consumido, melhor.
fonte:mdemulher

Focaccia de legumes para um lanche caprichado


Focaccia de legumes
Focaccia de legumes, para o lanche do domingo | Foto: Marcia Cavalieri
Essa focaccia caseira é uma opção para a pizza no fim do domingo. É fácil de fazer, mas exige tempo para a massa crescer, portanto, comece fazer à tarde.
A cobertura pode ser feita de várias maneiras: com azeitona picada, só alecrim e sal grosso- uma versão clássica, com molho de tomate e ervas variadas, enfim use suas preferências e o que você tem na geladeira.
Eu fiz essa focaccia com cebola, tomate cereja e abobrinha ralada – só a parte da casca, o restante da abobrinha usarei em uma sopa.
A focaccia com suco de fruta natural e uma salada verde vai dar um ótimo arremate para o fim de semana.
FOCACCIA DE LEGUMES
Preparo: Demorado | Dificuldade: Moderada
Rendimento: 12 porções | Calorias: 170 kcal
Massa
. 1 tablete de fermento fresco para pão (15g)
. 1 colher (sopa) de açúcar
. 300 ml de água morna
. 400g de farinha de trigo aproximadamente
. 2 colheres (sopa) de azeite
. 1 colher (chá) de sal
Cobertura

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Depressão, a Doença da Alma - Pr. Osiel Varela


Alguém chamou a depressão de “inferno particular”.
Verbetes:

*Erg – trabalho ;
Ergolatria – dedicação quase religiosa com trabalho – trabalhar compulsivamente - adoração ao trabalho.
Opróbrio – situação de vergonha - vergonha
Koinonia – comunhão plena
Eclesial – relativo a eklesia [congregação de pessoas com interesse comum ou reunião com objetivo], para nosso tempo; relativo a Igreja. Definição transliterada pelo editor. Refere-se à experiência e à vida da Igreja.
Hipocondria - é o medo persistente de se ter uma doença séria. Uma pessoa com este distúrbio tende a interpretar sensações normais, funções corporais e sintomas leves como um sinal de uma doença grave.
Texto Áureo: Salmos 42.5: Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.
Texto geral:
Salmos 42.1.SS: ASSIM como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus! A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus? As minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite, enquanto me dizem constantemente: Onde está o teu Deus? Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava. Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.
Texto final:
Salmos 42.6.ss: Ó meu Deus, dentro de mim a minha alma está abatida; por isso lembro-me de ti desde a terra do Jordão, e desde os hermonitas, desde o pequeno monte. Um abismo chama outro abismo, ao ruído das tuas catadupas; todas as tuas ondas e as tuas vagas têm passado sobre mim. Contudo o Senhor mandará a sua misericórdia de dia, e de noite a sua canção estará comigo, uma oração ao Deus da minha vida. Direi a Deus, minha rocha: Por que te esqueceste de mim? Por que ando lamentando por causa da opressão do inimigo?Com ferida mortal em meus ossos me afrontam os meus adversários, quando todo dia me dizem: Onde está o teu Deus? Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, o qual é a salvação da minha face, e o meu Deus.
Texto Bíblico de Apoio:
Salmos 77 .1 .CLAMEI a Deus com a minha voz, a Deus levantei a minha voz, e ele inclinou para mim os ouvidos. 2 No dia da minha angústia busquei ao Senhor; a minha mão se estendeu de noite, e não cessava; a minha alma recusava ser consolada. 3 Lembrava-me de Deus, e me perturbei; queixava-me, e o meu espírito desfalecia. (Sela.) 4 Sustentaste os meus olhos acordados; estou tão perturbado que não posso falar. 5 Considerava os dias da antiguidade, os anos dos tempos antigos. 6 De noite chamei à lembrança o meu cântico; meditei em meu coração, e o meu espírito esquadrinhou.7 Rejeitará o Senhor para sempre e não tornará a ser favorável? 8 Cessou para sempre a sua benignidade? Acabou-se já a promessa de geração em geração? 9 Esqueceu-se Deus de ter misericórdia? Ou encerrou ele as suas misericórdias na sua ira? (ela.)10 E eu disse: Isto é enfermidade minha; mas eu me lembrarei dos anos da destra do Altíssimo.
“O deprimido é alguém que se torna abatido, triste, cheio de melancolia, desanimado porque do alto foi empurrado para baixo. Geralmente, as mulheres sofrem mais que os homens. Lembremos, no entanto, que a depressão de uma pessoa pode parecer totalmente diferente da de outra. Por isso, as reações variam: um pensa em morrer, outro quer viver outro acha que todos o estão traindo”.
Pr. Walter Santos Baptista
I – Introdução:
Analisando o texto da lição, principalmente, o Texto Áureo, eu encontrei, algumas porções relevantes e interessantes, seja na questão da Depressão em si, seja no efeito da depressão, e posteriormente na solução da situação.
Neste comentário, me veio à mente realizar uma homilia do conteúdo do Salmo do qual foi extraído o texto áureo, mas, ao estudar o assunto verifiquei que poderíamos avançar além do Salmista.
Muitos personagens da Bíblia sofreram momentos de profunda depressão, até o próprio Jesus sofreu no Getsêmani um momento de depressão que o fez suar gotas de sangue.
Mateus 26.37,38: Jesus no Getsêmani - “Jesus levou Pedro e os dois filhos de Zebedeu, Tiago e João com Ele, e começou a sentir-se cheio de angústia e tristeza. Então disse-lhes: ‘Minha alma está cheia de pavor e tristeza, a ponto de morrer… fiquem aqui… fiquem acordados comigo’”.
Jesus em sua forma humana, precisava de ajuda, de presença de amigos, estava carente de ser confortado, pelos seus discípulos.
É assim que muitas vezes, nós somos surpreendidos e não entendemos que um irmão em Depressão quer e precisa que nós estejamos ao seu lado, até comentamos, uns para com os outros: “este irmão é um grude….”, mas, a sua alma necessita de nossa presença física para aliviar a depressão.
I Jo 2.9: Aquele que diz que está na luz, e odeia [aborrece] a seu irmão, até agora está em trevas.
Querer estar só, é um sintoma de depressão, mas, estar com amigos, é como um bálsamo que nos faz esquecer momentaneamente a depressão.
Eles falam e agem como Jesus: Mt.26.40:E, voltando para os seus discípulos, achou-os adormecidos; e disse a Pedro: Então nem uma hora pudeste velar comigo?
O salmista por sua vez também sente a falta da multidão, e muitos amigos que o acompanhavam até ao Templo, onde certamente ele era querido por todos:
“Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão. Fui com eles à casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava”.
O salmista diz isto, ao mesmo tempo em que está só ele reclama da ausência daqueles que iam com ele ao templo.
II - A Depressão segundo o salmista é algo que:
- Impede a pessoa de buscar socorro:
- Causa choro na solidão da noite:
Choro se acumulava em lágrimas, numa demonstração clara de que, no choro e lágrimas ele achava uma forma de desatar o nó preso em sua garganta pela muita depressão e isto parecia como uma válvula de alívio.
“Minhas lágrimas servem-me de mantimento de dia e de noite”
- Faz o depressivo recusar ajuda:
“A minha alma recusava ser consolada”
- Vive noites de insônia com angústia corroendo e tirando o seu sono:
“A minha mão se estendeu de noite, e não cessava…”.
O estender de mão à noite é uma demonstração de que ânsias atingiam a sua alma como em ondas de angústia.
“Um abismo chama outro abismo, ao ruído das tuas catadupas; todas as tuas ondas e as tuas vagas têm passado sobre mim”.
- A depressão causava-lhe dúvidas até da presença ou existência e força de seu Deus.
“Com ferida mortal em meus ossos me afrontam os meus adversários, quando todo dia me dizem: Onde está o teu Deus? ”
A depressão causa alguns efeitos que não são entendidos pelos outros, diz o salmista [veja o trecho anterior do salmo]:
Descrença na operação do Deus a que servimos, viramos mote de escárnio ou opróbrio até de jovens que nos devem respeito quando caímos em depressão. Esta situação então, é agravada, com mais depressão:
“Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma…”.
Ora, o salmista havia estado na Casa do Senhor com a multidão, esta multidão certamente sabia que ele era um crente dedicado e fiel, como então ele caiu nesta situação de depressão?
- Torna a pessoa duvidosa quanto a ação de Deus:
Salmos 77 .3: Lembrava-me de Deus, e me perturbei; queixava-me, e o meu espírito desfalecia.
A lembrança de Deus, para o salmista era antes, uma ampliação da sua depressão, pois, ele não podia entender a sua situação, mesmo sendo um crente fiel.
Você não já sentiu assim?
É a ação da depressão para paralisar a nossa vida espiritual e criar no depressivo a vergonha e o afastamento da koinonia eclesial e uma vez instalado este lado da depressão só o faz vivenciar, a situação, sozinho e solitário, pois estar só e diferente de ser solitário, aí é que reside o grande perigo que será apontado abaixo, nos SINTOMAS.
Este pensamento angustia mais ainda a alma daquele que está em depressão, tornando-se quase, como uma acusação e inicia um processo de busca, de resposta para aquele sofre, mas, parece que tal resposta nunca será encontrada, e este pensamento se avoluma na mente, sendo usado pelo adversário como acusação.
I Jo. 3.20: Sabendo que, se o nosso coração nos condena…
III - OS SINTOMAS.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

O Coração do Homem




          Este livro, de autor desconhecido, surgiu há mais de 200 anos atrás na frança e foi escrito baseado em 10 imagens ilustrativas do coração do homem.
Estas imagens representam a condição espiritual do homem diante de Deus. O livro é conhecido no mundo inteiro e durante estes duzentos anos de suas várias publicações tem trazido bênçãos a homens e mulheres de todo o mundo, por  varias gerações, fazendo com que através dele e da sua leitura, muitos tenham uma nítida visão acerca das coisas espirituais e entenda a sua própria condição diante de Deus e da sua Palavra.
A seguir as imagens do livro e um resumo do significado das suas figuras, que por si só nos falam muita coisa!

Ronaldo Silva

Primeiro Quadro-ronalduron@blogspot.com
Neste quadro, por baixo da cabeça, vê-se o coração humano;
Moram nele diversos animais, que nos falam de várias qualidades de pecados.
Deus nos diz pela boca do profeta Jeremias, “que enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?” Jeremias 19.9. Jesus confirma isto, dizendo: “por que do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios, os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfêmia, a soberba , a loucura. Todos estes males procedem de dentro e contaminam o homem. Marcos 7. 21-23.

Segundo Quadro-ronalduron@blogspot.com
Este quadro mostra um coração penitente, que começa a procurar a Deus.
O anjo segura a espada, que representa a Palavra de Deus, “que é viva e eficaz, e mais penetrante, que espada alguma de dois gumes, e que penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.” Hebreus 4.12.
A Palavra de Deus faz-nos lembrar que “ o salário do pecado é a morte,” e que “ aos homens está ordenado morrerem uma vez vindo depois disso o juízo.” Hebreus 9.27. A porção do pecador e do descrente será no “lago que arde com fogo e enxofre.” Apocalipse 20.10. 


Terceiro Quadro-ronalduron@blogspot.com
Este quadro mostra-nos o estado da alma de um pecador verdadeiramente arrependido.
Ele vê agora quão grandes e horríveis são os seus pecados, pelos quais Jesus morreu na cruz.
A luz do Espírito Santo enche agora o seu coração, dantes escuro e sujo mas agora limpo e tornado alvo como a neve, pelo sangue de Jesus.
Neste quadro, portanto, vemos que os animais, que representam o pecado já estão fora do seu coração bem como Satanás, embora ele vá de má vontade olhando para trás e pensando na melhor maneira de tornar a entrar novamente. É por esta razão que Jesus nos avisa para vigiar e orar, a fim de resistir ao diabo e este fugir.
Quarto Quadro-ronalduron@blogspot.com

Este quadro mostra um cristão que achou perfeita paz e redenção pelo sacrifício de Cristo, e que portanto não se vangloria senão na cruz do Nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo Está crucificado para ele e ele para o mundo.
Há muitos que se dizem cristãos que oram nas igrejas, que tomam parte na ceia do Senhor, que cantam hinos a Deus e que, no entanto, pelas suas ações más crucificam Jesus constantemente. “ Nem todo o que me diz Senhor, Senhor, entrará no reino de Deus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus.
A humanidade, regra geral, está ansiosa por receber todas as bênçãos de Deus, a chuva e o sol; porém não quer submeter-se ao governo de Deus.Para muitos, Deus serve apenas de refúgio nos tempos de tribulação e desespero.
Quinto Quadro-ronalduron@blogspot.com

Este quadro mostra o coração limpo e santificado do pecado,
Salvo pela bondade graça e misericórdia de Deus.
Tornou-se um verdadeiro templo de Deus, e a habitação do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme a promessa de Jesus Cristo:
“Se alguém me ama guardará a minha Palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.” João 14.23.
Deus agora honra, abençoa e eleva o homem por meio de Jesus Cristo. O diabo também é visto junto ao coração, como quem espera uma oportunidade de novamente entrar na sua antiga habitação.Por esta razão somos avisados a orar e vigiar contra este adversário. I Pedro 5.8
Sexto Quadro-ronalduron@blogspot.com

 Este quadro é muito triste, por que representa o crente que deixou a vida cristã.
Um olho está para se fechar, mostrando  que o fervor do cristão arrefeceu nalguma coisa. Enquanto o outro está a fixar descaradamente o mundo.
Nele já diminuiu a luz do Evangelho e diminuirá também o desejo e a prontidão de sofrer por Cristo.
Está cercado de tentações, às quais ele se vai submetendo pouco a pouco, em lugar de lhes resistir. Em vez de escutar a voz de Deus, escuta as sugestões sutis e vãs promessas do tentador.
Embora ele ainda vá à Igreja, já não é por amor a Deus, mas sim para fingir que ainda é religioso, escondendo, assim, que se tornou amigo do mundo.

Sétimo Quadro-ronalduron@blogspot.com
Este quadro mostra o estado infiel do coração do homem. Mostra

igualmente a condição de uma pessoa que nunca se arrependeu nem se entregou ao Senhor.

Apesar das Boas Novas ter-lhe apresentada e revelada.

O pecado, com toda a sua capacidade de enganar voltou a governar o coração e nele fixou residência. O Espírito Santo aquela meiga Pomba, vê-se obrigado a deixar o coração, pois o pecado e o Espírito Santo não podem viver juntos.

O Anjo, a Palavra de Deus, tem de retirar-se, com dor, olhando para trás, esperando ainda que a pessoa se arrependa, como o filho pródigo.

Oitavo Quadro-ronalduron@blogspot.com

 Aqui encontramos o pecador aproximando-se do seu fim, com o corpo cheio de dor e a alma cheia de temor da morte. A morte veio numa hora inesperada e pouco agradável. Os prazeres enganadores do pecado já fugiram e ele tem de encarar, na realidade, o terrível salário do pecado. As agonias do Inferno já se agarraram à sua vítima. Embora ele agora queira orar, encontra dificuldade em ter comunhão com Aquele cujo amor desprezou. Os velhos amigos têm medo de permanecer ao seu lado no leito de morte e as vãs palavras de conforto já não ajudam. As suas riquezas, provavelmente mal adquiridas, não podem prolongar a sua vida nem salvar a sua alma. É-lhe impossível concentrar os pensamentos em Deus, e já nem pode lhe dar esta oportunidade.


Nono Quadro-ronalduron@blogspot.com

Por outro lado, Este quadro representa o cristão que suporta as tentações e está vencendo no meio de grandes tribulações. Ele fica firme mesmo quando tentado de todos os lados, e resiste até o fim, sendo mais que vencedor por meio de Cristo Jesus. Não somente tem começado a carreira cristã, como tem perseverado, correndo com paciência, não olhando para a direita nem para a esquerda, mas antes para Jesus, Autor e consumador da nossa fé. Hebreus 12. 1, 2. Satanás, com todos os seus exércitos cerca o coração do crente, tentando em vão desviar o filho de Deus.  O orgulho, o amor ao dinheiro, o demônio, a imoralidade, e muitos outros pecados estão aqui representados.
Mas o cristão alerta reconhece o pecado sob qualquer disfarce, pois a Palavra de Deus e o Espírito conduzem-no em toda a Verdade.

Décimo Quadro-ronalduron@blogspot.com

 Uma pessoa que viveu e andou com Deus não tem medo da morte.  Quando chegar a sua hora de partir deste mundo, ele vai de boa vontade, como diz o apóstolo Paulo: “tenho desejo de partir e estar com Cristo, por que  é muito melhor.” Filipenses 1.23.  Em lugar do horroroso esqueleto (a morte) vê-se o anjo ou o mensageiro de Deus, neste último quadro. Ele está esperando o momento de levar o espírito do justo para junto de Deus. O seu espírito é solto do corpo mortal que o prendera e voa para o seio daquele que serviu e amou na terra. As boas vindas o esperam na presença de Deus, onde as palavras de louvor do seu Mestre o cumprimentam: “bem está, servo bom e fiel. Entra no gozo do teu Senhor. Mateus 25.21.
fonte: força para viver 

sábado, 26 de janeiro de 2013

Elias E Os Profetas de Baal - Lição 4 CPAD - Jan 2013


Elias E Os Profetas de Baal
Autor do subsídio: Pr. Osvarela
Texto Áureo - I Reis 18:21. Então Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o. Porém o povo nada lhe respondeu.
Leitura Bíblica em Classe:
I Reis 18:36-40. Sucedeu que, no momento de ser oferecido o sacrifício da tarde, o profeta Elias se aproximou, e disse: Ó SENHOR Deus de Abraão, de Isaque e de Israel, manifeste-se hoje que tu és Deus em Israel, e que eu sou teu servo, e que conforme à tua palavra fiz todas estas coisas.
Responde-me, SENHOR, responde-me, para que este povo conheça que tu és o SENHOR Deus, e que tu fizeste voltar o seu coração.
Então caiu fogo do SENHOR, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e o pó, e ainda lambeu a água que estava no rego.
O que vendo todo o povo, caíram sobre os seus rostos, e disseram: Só o SENHOR é Deus! Só o SENHOR é Deus!
E Elias lhes disse: Lançai mão dos profetas de Baal, que nenhum deles escape. E lançaram mão deles; e Elias os fez descer ao ribeiro de Quisom, e ali os matou.
Etimologia:
-Baal  ה"בעל  a palavra Baal pode ser lida na língua hebraica como baali – meu dono, proprietário.
Por isto, o Apóstolo Pedro escreve, agora para Igreja: “Vós sois geração Eleita, nação santa, povo adquirido...”, assim como Israel foi eleito por Javé.
Marido – בעל
-Profeta no feminino profetisa (do grego: πρoφήτης, prophétes) pode significar a pessoa que é capaz de predizer acontecimentos futuros ou ainda uma pessoa que fala por inspiração divina ou em nome de Deus.
Aos falsos profetas aplicava-se a pena de morte, na Lei Moisaica.
O livro do Antigo Testamento, revela antes de serem comumente chamados profetas, tais pessoas eram chamados de videntes. (I Samuel 9:9).
É um nome sugestivo que descrevia as pessoas a quem Deus revelava os acontecimentos futuros, por meios de sonhos, visões ou aparições de anjos.
Eram escolhidos por Deus e tinham enorme autoridade religiosa e influência.
Normalmente, eles eram tidos como conselheiros e instrutores da Lei de Deus.
A expressão "os Profetas", pode referir o conjunto de livros (Neviim) escritos pelos profetas.
O profeta era visto como um instrumento divino, alguém sobrenatural, que fala da situação presente, futura e passada.
Até quando coxeareis entre dois pensamentos?
Destaque Reflexivo.
Assim, como Yahweh tinha seus profetas, Baal, deus poste dos sidônios também tinha seus profetas.
Devemos lembrar e citar a posição de enfrentamento de Moisés com os magos no Egito, no processo liberatório do povo hebreu.
Êxodo 7:8-12. E o SENHOR falou a Moisés e a Arão, dizendo: Quando Faraó vos falar, dizendo: Fazei vós um milagre, dirás a Arão: Toma a tua vara, e lança-a diante de Faraó; e se tornará em serpente. [...] e lançou Arão a sua vara diante de Faraó, e diante dos seus servos, e tornou-se em serpente. E Faraó também chamou os sábios e encantadores; e os magos do Egito fizeram também o mesmo com os seus encantamentos. Porque cada um lançou sua vara, e tornaram-se em serpentes; mas a vara de Arão tragou as varas deles.
Moisés e Elias – Dois Homens Em Busca de Uma Decisão.
O que nos remete ao Monte Tabor, nos leva ao momento do Ministério terreno de Nosso Senhor Jesus, na Transfiguração, onde ambos se apresentam de maneira mística, impressionante.
Mateus 17:1-4. SEIS dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, e a Tiago, e a João, seu irmão, e os conduziu em particular a um alto monte, E transfigurou-se diante deles; e o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes se tornaram brancas como a luz. E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele. E Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, façamos aqui três tabernáculos, um para ti, um para Moisés, e um para Elias.
FALSOS PROFETAS:
II Pedro 2:1. E TAMBÉM houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
Assim, como Deus continua usando seus servos para falar com sua Igreja, por Profecias, temos também arautos do Reino do Terror, tentando atuar, se dermos espaço no meio do nosso arraial.
II Pedro 2:15-19. Os quais, deixando o caminho direito, erraram seguindo o caminho de Balaão, filho de Beor, que amou o prêmio da injustiça; Estes são fontes sem água, nuvens levadas pela força do vento, para os quais a escuridão das trevas eternamente se reserva. ss...Porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro, Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo.
IDENTIFICANDO OS FALSOS PROFETAS.
Precisamos nos valer das Escrituras sagradas para poder identificar, aqueles que querem engodar o povo de Deus.
De todos os tipos, com promessas de fertilidade – prosperidade, riquezas materiais – a moda atual.
São diferente de Jesus Cristo, O Sumo Pastor de nossas almas:
I Pedro 5:4. E, quando aparecer o Sumo Pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória”.
Mostram-se como fonte de águas, mas são nuvens secas, que só querem tirar o “pêlo da ovelha”!
II Reis 23:5. Também destituiu os sacerdotes que os reis de Judá estabeleceram para incensarem sobre os altos nas cidades de Judá e ao redor de Jerusalém, como também os que queimavam incenso a Baal, ao sol, à lua, e aos planetas, e a todo o exército dos céus.
Falsos profetas, que clamam à pedra, e ao pau, [hoje até a vegetação], ao sol, a lua, quando não realizam seus cultos sombrios, em meio, á Natureza evocando falsos deuses.
I João 4:1-3. AMADOS, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo. Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus; E todo o espírito que não confessa que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas este é o espírito do anticristo, do qual já ouvistes que há de vir, e eis que já está no mundo.
II Pedro 3:3-5. Sabendo primeiro isto, que nos últimos dias virão escarnecedores, andando segundo as suas próprias concupiscências, E dizendo: Onde está a promessa da sua vinda?  Porque desde que os pais dormiram, todas as coisas permanecem como desde o princípio da criação. Eles voluntariamente ignoram isto, que pela palavra de Deus [...].
A Igreja precisa precaver-se, orientar-se pela Palavra de Deus, a Palavra Eterna, de Revelação progressiva e contemporânea, a cada época da Igreja.
Adoração Verdadeira Não Combina Com Dúvida.
Não é passível de receber nada do Senhor, conforme nos ensina a Epístola de São Tiago.
Tiago 1: 6.8. Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvidaé semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. O homem de coração dobre é inconstante em todos os seus caminhos.
A Indecisão, Ou A Dupla Adoração É Impraticável, No Mundo Espiritual.
O crente de coração dobre é um adorador a menos.
E menos um a receber as bênçãos do Eterno! qv Tg1
Jesus também condena a indecisão dos que servem a Deus:
Mateus 6:24. Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.”
Provérbios 17:20. O perverso de coração jamais achará o bem; e o que tem a língua dobre vem a cair no mal.
Israel caiu no mal, pela perversidade do coração de Acabe, ao aliar-se ao Rei dos sidônios para preservação militar do seu reinado, mas para isto rendeu-se e deu como pagamento de vassalo, aos sidônios, a própria adoração ao seu Deus YHWH!
Perdera fé, que o escritor S.Terrien descreve “...a realidade da presença de Deus se encontra no centro da fé bíblica...”, ou seja todos em Israel conheciam as Sagradas Escrituras [centro unificador de aliança ou da aliança sinaítica – W.Eichrodt- ], um preceito deuteronomista dado por Moisés.
Estas Escrituras apontavam para: “Deus é o Senhor” – Ludwig Koller
Elias é convocado para demonstrar esta presença!
Sendo que Deus era o Deus dos Exércitos de Israel [יהוה צבאותאלוהי צבאות ישראל].
A transliteração do texto final sobre o Deus de Israel, de I Sm 17.45.
"YAHWEH TSABAOTH, ELOHIM TSABAOTH ELOHEY YISRAEL"
I Samuel 17:45. Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado.
A Indecisão Do Povo Foi Condenada Pela Própria Expressão De Elias:
I Reis 18:21. Então Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o. Porém o povo nada lhe respondeu.”
E a reação do povo demonstra que estavam profundamente envolvidos e sem saber a quem seguir.
A não emissão de nenhum tipo de decisão, neste momento indica a dúvida, ou possível medo a Acabe, a Jezabel e até mesmo a Baal!
Não podemos ser omissos quanto a nossa fé num Deus, como o nosso Deus.
I Pedro 4:14-16. Se pelo nome de Cristo sois vituperados, bem-aventurados sois, porque sobre vós repousa o Espírito da glória e de Deus; quanto a eles, é ele, sim, blasfemado, mas quanto a vós, é glorificado. Mas, se padece como cristão, não se envergonhe, antes glorifique a Deus nesta parte.
II Pedro 1:10. Portanto, irmãos, procurai fazer cada vez mais firme a vossa vocação e eleição; porque, fazendo isto, nunca jamais tropeçareis.
Pedro nos incita a pensar no futuro, para que não percamos a esperança e sigamos os moldes da Igreja Primitiva, buscando alcançar a mesma forma de vida, agora no presente século.
II Pedro 1:19. E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações.
YHWH Reconhecido como Deus Único
Na Região onde se originou Israel, transcendentemente, após a presciente chamada do Patriarca Abraão, havia inumeráveis deuses.
O paganismo era uma questão viçosa para os habitantes.
O Pacto Sinaítico [Ex.19] trouxe junto com o Decálogo a ideia teológica aos hebreus, semitas.
Deuteronômio 6:4. Ouve, Israel, o SENHOR nosso Deus é o único SENHOR.
Mas, ao longo de toda a História [histórico-traditiva] até ao desterro, ainda que, Yavé fosse o Deus de Israel, vemos nas linhas sagradas, que mesmo nos momentos imediatamente posteriores a libertação mística do Egito pela mão forte do Eu Sou, Israel se voltou, em alguns momentos para querer voltar ao Egito e ao longo destes anos de caminhada, um Bezerro foi fundido por Arão – nada menos do que A Voz de Moisés – e nesta quadra nacional hebraica, quando Acabe reina, desde o reinado de Jeroboão – que instituiu culto a dois Bezerros, um em Dã e outro em Betel, havia ainda uma facilidade de o povo aceitar como tendo poder, outros deuses.

I Reis 12:28-31. Assim o rei tomou conselho, e fez dois bezerros de ouro; e lhes disse: Muito trabalho vos será o subir a Jerusalém; vês aqui teus deuses, ó Israel, que te fizeram subir da terra do Egito. E pôs um em Betel, e colocou o outro em Dã. E este feito se tornou em pecado; pois que o povo ia até Dã para adorar o bezerro.Também fez casa nos altos; e constituiu sacerdotes dos mais baixos do povo, que não eram dos filhos de Levi.
Jesus afirma já, nos idos neotestamentários:
Marcos 12:28-29. Aproximou-se dele um dos escribas que ...perguntou-lhe: Qual é o primeiro de todos os mandamentos?
E Jesus respondeu-lhe: O primeiro de todos os mandamentos é: Ouve, Israel, o SENHOR nosso Deus é o único Senhor.
A diferença é que o Deus de Israel era mais poderoso.
Esta unanimidade, só veio ser reconhecida, sobre o único Deus – Yavé – nos tempos do cativeiro babilônico.
Assim, o Monoteísmo absoluto estava carente de uma forte demonstração de Poder deste Deus.
A Luta a ser travada, não era de Elias contra os Profetas de Baal e Asera.
Seria a mesma luta travada por Davi contra o gigante Golias.
Em que os deuses Baal e Asera, seriam desmascarados, pois não poderiam ser ouvidos ou falar, ou fazer descer fogo dos céus!
Jezabel e Acabe confiavam e o povo desconfiava, confiando no poder destes ‘deuses’.
Davi assim como Elias usa o Nome do Senhor como propositura para afirmação do Poder Único e absoluto de Yavé.
Confrontando Os Poderes.
A Batalha espiritual convocada para o Carmelo, era o desafio aceito por Elias, confiado plenamente no Senhor.
Esta Batalha foi travada em três Planos:
1- Plano Terreno – Geo-político:
pr:Osiel varela

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...