sábado, 20 de setembro de 2014

Devocional

                        Sábado, 20 de Setembro, 2014


VERSÍCULO:
   Alegrai-vos, pois, filhos de Sião, regozijai-vos no SENHOR,
vosso Deus, porque ele vos dará em justa medida a chuva; fará
descer, como outrora, a chuva temporã e a serôdia.

    -- Joel 2:23

PENSAMENTO:
   "As preces sobem e as bênçãos descem..." As palavras desse
corinho infantil são verdadeiras somente pela metade, porque Deus
envia suas bênçãos muitas vezes mesmo quando não oramos.  Mas,
assim que amamos o cheiro especial que vem com a chuva que quebra a
seca, Deus ama o aroma da alegria dos seus filhos, especialmente
quando Ele é a fonte dela!

ORAÇÃO:
   Santo Deus e carinhoso Pai, o Senhor é minha alegria. Quando
todos os outros falham, o Senhor ainda é Deus. O Senhor é minha
rocha e minha fortaleza, o Senhor é meu bom pastor e minha montanha
sólida que não pode ser abalada ou mudada. Chovem suas bênçãos e
graça em mim e me enchem com alegria. Anseio pelo dia de lhe ver
face a face e regozijar na Sua presença para sempre. Até aquele
dia, regozijarei em antecipação. No glorioso nome de Jesus eu oro.
Amém.
fonte: iluminaalma

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Devocional

Filipenses 2:4

                                    Quinta-feira, 18 de Setembro, 2014

VERSÍCULO:
   Nada façais por partidarismo ou vanglória, mas por humildade,
considerando cada um os outros superiores a si mesmo. Não tenha
cada um em vista o que é propriamente seu, senão também cada qual o
que é dos outros.

    -- Filipenses 2:3-4

PENSAMENTO:
   Você se lembra de uma das primeiras perguntas na Bíblia?  "Onde
está teu irmão Abel?"  A que Caim respondeu:  "acaso, sou eu tutor
de meu irmão?"  A resposta de Paulo é clara e irrevogável:  SIM!
Devemos nos preocupar com o interesse dos outros e não apenas nosso
próprio.

ORAÇÃO:
   Pai, ensine-me a amar a sua família como o Senhor a ama. Fico
tão ocupado e distraído com meu próprio mundo e meus próprios
problemas que esqueço de reparar naqueles que estão ao meu redor.
Ajude-me a ser mais ciente e mais sintonizado com as necessidades
dos outros para que o Senhor possa ministrar através de mim. Pelo
poderoso nome de Jesus eu oro. Amém.
fonte: iluminaalma

domingo, 7 de setembro de 2014

A VERDADEIRA SABEDORIA SE MANIFESTA NA PRÁTICA Lição 09 – CPAD 3º TRIMESTRE 2014 -

A VERDADEIRA SABEDORIA SE MANIFESTA NA PRÁTICA
Lição 09 – CPAD
Edição e Estudo Osvarela
Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria.” Tg:13
Leitura Bíblica
Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria.
Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade.
Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica.
Porque onde há inveja e espírito faccioso aí há perturbação e toda a obra perversa.
Mas a sabedoria que do alto vem é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia.
Ora, o fruto da justiça semeia-se na paz, para os que exercitam a paz. Tiago 3:13-18
INTRODUÇÃO
Obras são evidencias do uso da sabedoria, elas são frutos que podem ser utilizados na mesa da comunhão!
Tiago mantém neste trecho de sua epístola o discurso sobre a sabedoria.
Tiago que inicia a sua carta ensinando como obter sabedoria, agora manifesta o porquê se deve adquiri-la, e que todo aquele que verdadeiramente, a obtém, sem dúvida apresentará o que gratuitamente recebeu - (Tg 1.5 E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada.)
Em tese Tiago está coerentemente reafirmando o discurso e esclarecendo ao seus leitores que há ainda, alguns que pensam ter adquirido a sabedoria, mas suas obras não manifestam a verdadeira sabedoria.
Quem seriam estes:
Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. Não pense tal homem que receberá do Senhor alguma coisa.” Tg 1:6-7
Os que duvidam, são a principal corrente de indivíduos que não podem alcançar a verdadeira sabedoria.
Portanto, este é um agrupamento de pessoas da fé que podem ser incluídos nos que muito provavelmente são os que não podem apresentar Obras – fruto de uma sabedoria não alcançada, ainda que estejam entre os da igreja, e para quem Tiago está apontando durante seu escrito divinamente inspirado.
Estes se enganam, quanto a sua capacidade de produzir boas obras.
É um ponto que mostra que alguns realizam obras, mas estas não são fruto da verdadeira sabedoria, estão entre nós ou mesmo fora da igreja e se auto intitulam “produtores de boas obras, ou fruto”.
Tiago revela um ponto difícil, no qual ele apresenta-nos que existem duas sabedorias.
Embora seja um livro dedicado ao ensino, a palavra sabedoria, aparece apenas 4 vezes (1 no capítulo 1 e neste curto trecho o escritor, irmão do Senhor, cita a palavra sabedoria, por três vezes), mas é uma componente forte do ensino do Escritor bíblico, inclusive alertando aqueles que se dizem e querem ser Mestres.
Mas, a sabedoria é base estrutural do ensino, de Tiago, então ele, após ditar várias regras de fé e obras, vai nos mostrar como estas se apresentam na vida prática e comunal do homem, após todo o ensino prático.
Tenho estudado Tiago sobre o ponto de vista da relação intra eklésia, ou seja, em três níveis:
intrapessoal (emoções humanas, bem-estar cristão);
interpessoal (relacionamento humano, com o próximo, incluindo a comunhão com a Igreja); Quando a Bíblia revela que Jesus cresceu em SABEDORIA, que representa o crescimento interior. Que todo homem precisa atingir.
inter antropomística (a relação sobrenatural: homem-Deus, através de Cristo, com o auxílio do Espírito Santo).
É como o coroamento do ensino que Tiago recebera de Deus, para a produção e despertamento de regras de bom viver cristão, sobre esta base estruturante da vida, daquele que buscou a sabedoria, a encontrou, e tem pelos ensinos do irmão do Senhor, como comparar seus atos. E a própria comunidade cristã, a Igreja pode vislumbrar a ação da sabedoria, na vida dos seus membros.
A sabedoria maligna – “Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica”.
A Sabedoria verdadeira, a que citamos acima, como gratuita, divina e espiritualmente regeneradora do homem.
Discorrendo

INDEPENDENCIA



                                         Domingo,  7 de Setembro, 2014

VERSÍCULO:
   ...o qual nós anunciamos (Jesus), advertindo a todo homem e
ensinando a todo homem em toda a sabedoria, a fim de que
apresentemos todo homem perfeito em Cristo.

    -- Colossenses 1:28

PENSAMENTO:
   Nosso alvo como cristãos não é obedecer alguma lei, seguir
algumas regras ou mesmo ser seguidores de alguma disciplina.  Nosso
alvo como cristãos é se conformar ao caráter e ministério de Jesus.
 Este é o trabalho do Espírito dentro de nós (2 Co. 3:18) como
Paulo deixa claro aqui e em outros lugares (Gl 4:19), este é o alvo
dele em trabalhar com outros.  Não deveria ser o nosso trabalho
também como pais, amigos e mentores espirituais?

ORAÇÃO:
   Santo Senhor, conforme o meu coração, minhas palavras, meu
ministério e minhas ações a Jesus.  Quero que Ele seja meu Senhor,
não apenas em palavras mas também na minha vida. No santo nome de
Jesus eu oro. Amém. || Um abençoado Sete de Setembro para os
leitores no Brasil!
iluminaalma

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...