quarta-feira, 17 de julho de 2013

UNIdade no Casamento


Ef 5:21; Fp 2:2. Para intimidade espiritual, verdadeiras felicidade e união (de espíritos + almas + corpos!), cada cônjuge tem que ter se proposto conformar-se à imagem de Cristo, tem que continuamente perguntar-se  “Senhor, que queres de mim como homem e marido (ou como mulher e esposa), não importa qual a atitude da minha esposa (ou do meu marido) quanto a Ti ou quanto a mim?” Sem isto, como é usual, os cônjuges realmente seguem caminhos diferentes, têm objetivos independentes, só ocasionalmente tentam “unidade” (e falham), têm relacionamento egocêntrico, conflitante, frustante.


2.1.1. Objetivos (Contínuos) para a Esposa (melhoras virão, mas não exijamos perfeição imediata, total e definitiva!):
1 Pd 3:5 - Desenvolver confiança nas decisões do marido.
1 Tm 1:5 - Conservar motivos puros (não manipulativos) para com o marido.
Fp 4:8; Tg 4:11 - Concentrar-se nas qualidades positivas do marido (poemia exclusiva, de Deus).
Ex 20:12; simétrico de Pv 31:28 - Desenvolver lealdade e amor dos filhos para com o marido.
Ef 4:32; Mt 6:14,15; Mc 11:25; 1 Pd 3:7 - Perdoar falhas (passado, presente e futuro) do marido.
Ef 5:21,22 - Fazer-adaptar alegremente seus planos subordinados às prioridades do marido (o leader).
Pv 31:26 - Mostrar apreciação pela atenção que o marido tem que dar aos detalhes do seu trabalho.
1 Pd 3:1 - Encorajar o marido nas suas derrotas.
Hb 13:18; Pv 18:12; Tg 5:16; Mt 5:24 - Reconhecer quando erra e pedir perdão.
Rm 8:28,29 - Ver, nas imperfeitas características deles, aquelas boas, que Deus quer desenvolver.
Fp 4:11,12; 1 Tm 6:8 - Desenvolver contentamento em viver dentro da renda do marido.


2.1.2. Objetivos (Contínuos) para o Marido  (melhoras virão, mas não exijamos perfeição imediata,total e definitiva!):
Ef 5:25 - Reconhecer necessidade da esposa sentir que é importante para o marido. Reservar-lhe tempo.
1 Pd 3:7 - Valorizar (!) as opiniões da esposa (a despeito dos caminhos para chegar a elas ser diferente).
Fp 4:8; Tg 4:11 - Concentrar-se nas qualidades positivas da esposa (poemia exclusiva, de Deus).
Pv 23:23; Gl 6:2; 1 Co 13:7 - Lidar com problemas sem tentar “disciplinar” a esposa (=/=filha!)
1 Co 13:4 - Dar à esposa mais tempo para expressar-se. Ela necessita-o (mas, frequentemente, expressa-se melhor).
Pv 31:28 - Projetar a ideia que a pessoa total da esposa é seu complemento (=/= competição). Perfeito.
Fp 2:4 -Aprender (investindo tempo juntos) a ver sob o ponto de vista dela, entender como ela pensa.
Ef 5:16; Sl 90:12 - Aprender a dizer não a outros, em proteção ao seu tempo [legítimo] com a família.
Pv 13:24 (e 23:13; 29:17); Ef 6:4 - Clarificar bem as metas e orientações para disciplinar os filhos.
Pv 20:18 - Prover tempo para discutir com a esposa os preparativos para grandes mudanças (ações).
1 Ts 4:4 - Auto-controlar suas atitudes internas e ações externas (inclusive sexo) para com sua esposa.
Ex 20:5 Continuamente exercitar-desenvolver sua liderança espiritual.
Ef 5:4; Tt 2:6 - Nunca fazer piada e zombaria da esposa (especialmente frente a outros!)
Ef 4:32; Mt 6:14,15; Mc 11:25; simétrico de 1 Pd 3:7 - Perdoar suas falhas (passado, presente e futuro).
Hb 13:18; Pv 18:12; Tg 5:16; Mt 5:24 - Reconhecer quando erra e pedir perdão (manter comunicação, no casamento, é responsabilidade do marido!).
1 Tm 3:5 - Sempre que necessário, tomar tempo para debater e tornar bem claro o que é da responsabilidade dele, e o que ele espera da esposa (e dos filhos).


(retorne à PÁGINA ÍNDICE de SolaScripturaTT / VidaDosCrentes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUE DEUS TE ABENÇOE ! JESUS TE AMA E QUER TE LEVAR PARA O CÉU .

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...